sexta-feira, 26 de julho de 2013

1º Salão de Artes Plásticas Carlos Zemek








SALÃO DE ARTE

Estremecem-se os cinco sentidos,
as telas brilham nas retinas
e um turbilhão de emoções
desperta constelações
de sonhos que fascinam.


Poema de Isabel Furini

GEOMETRIA


O círculo das horas  tece o poema.

O poema viaja pelo mundo das emoções.

(Emoções criadas pela urdidura dos sonhos).

Sonhos revelam a subjetividade.

A subjetividade alimentam o círculo das horas.
                                      O círculo  das horas tece o poema.
Poema de Isabel Furini

LOUCURA POÉTICA

por Isabel Furini

O poeta espalhava entre seus versos
sabores de vinho e nostalgia.

Seus poemas impulsionam sonhos
e acordam fantasias.

Invadem sentimentos no quadrante das ilusões
e  arrastam correntezas de emoções.

Os poemas enfrentam os espelhos do labirinto
e, com versos de ambrosia,
desafiam
as palavras escritas com  o veneno do mundo globalizado.


quinta-feira, 25 de julho de 2013


     ECOS DE DALÍ


Las horas sombrean el tic-tac del mundo,
y los relojes como pájaros tiernos
aislados en el paisaje yermo
(casi espectral)
sensibles al sufrimiento humano
derriten el pasado
(piadosamente).

Poema de Isabel  Furini, escritora e poeta premiada.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...